O presidente do Banco Central (BC), Henrique Meirelles, disse hoje que já é possível perceber uma recuperação gradual da concessão de crédito no Brasil, após um período de contração sentida por conta do agravamento da crise financeira internacional, em meados de setembro. A afirmação foi feita durante congresso da Associação Econômica Latino-Americana e do Caribe, no Rio de Janeiro.

"O fato de que os bancos públicos ainda respondem por uma fatia significativa do mercado de crédito brasileiro contribuiu para essa recuperação", afirmou Meirelles em discurso.

Segundo a Agência Brasil, no entanto, o presidente do BC reconheceu que a concessão de crédito ainda não se recuperou totalmente para os níveis anteriores. Ele também lembrou que a confiança do consumidor "erodiu" desde outubro. No discurso, Meirelles afirmou que "não há sinais de que as condições fiscais vão se deteriorar em um futuro próximo" e nem de que haverá redução nas transferências governamentais para as famílias brasileiras.

"O Banco Central vai publicar, no final de dezembro, sua previsão para o Produto Interno Bruto (PIB) de 2009. O Brasil deve desacelerar, assim como os outros países, mas estima-se que vamos crescer acima da média mundial", disse. As informações são da Agência Brasil.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.