O presidente do Banco Central (BC), Henrique Meirelles, anunciou hoje mais uma das medidas que serão usadas pelo governo para preservar a economia brasileira dos efeitos da crise internacional. O BC, de acordo com medida provisória que será editada hoje em edição extra do Diário Oficial da União, poderá fazer empréstimos em dólar para os bancos com títulos com garantia em moeda estrangeira.

Segundo Meirelles, o Conselho Monetário Nacional (CMN) vai definir quais serão as garantias que poderão ser aceitas nesta operação. Ele explicou que essa medida dá mais flexibilidade ao BC na atuação preventiva contra a crise, já que a fonte do aperto de liquidez é externa e em moeda estrangeira.

Meirelles explicou que esta é uma medida diferente da anunciada hoje à tarde no ministério da Fazenda que prevê uma linha adicional, em dólar, no exterior com o uso das reservas internacionais em que o BC compra títulos dos bancos com o contrato de recompra pelas instituições financeiras. Segundo ele, para a medida anunciada mais cedo já há decisão de fazê-la, já a segunda, anunciada à noite, o BC fará se for necessário.

Ele também anunciou uma terceira medida, incluída na MP, que permite as sociedades de arrendamento mercantil emitirem letras de arrendamento mercantil (LAM), que é um título de crédito representativo de promessa de pagamento em dinheiro. Segundo o presidente do BC, esse novo papel é menos complexo que as debêntures.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.