Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Medvedev pede à Gazprom para cobrar dívida de US$ 2,4 bi da Ucrânia

Moscou, 20 nov (EFE) - O presidente russo, Dmitri Medvedev, pediu hoje à corporação Gazprom para cobrar da Ucrânia a dívida contraída pela importação de gás, que chega a US$ 2,4 bilhões.

EFE |

"Temos que fazer algo com a dívida ucraniana e assegurar-nos de que é saldada voluntariamente ou de maneira coercitiva", assinalou Medvedev durante sua reunião com o diretor da Gazprom, Alexei Miller, segundo as agências russas.

Medvedev admitiu que US$ 2,4 bilhões é "muito dinheiro para qualquer Estado e qualquer companhia, incluindo a Gazprom", mais ainda quando a situação econômica mundial é complicada.

O presidente russo lembrou que durante a recente visita a Moscou da primeira-ministra ucraniana, Yulia Timoshenko, foi acordado que "todo esse dinheiro seria pagado nos prazos previstos".

Por isso, pediu a Miller para utilizar todas as medidas administrativas a seu alcance para que Kiev pague a dívida, em alusão a um novo corte dos fornecimentos, como já ocorreu no final de 2005 e princípios deste ano.

Miller respondeu que a Gazprom "não vê progressos de nenhum tipo nas negociações com a parte ucraniana" e acrescentou: "Não temos a segurança de que veremos o dinheiro". EFE io/db

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG