A adoção de medidas antipoluentes pode levar o Brasil a importar diesel muito mais caro em 2009, disse o diretor de Abastecimento da Petrobrás, Paulo Roberto Costa. Segundo o presidente da estatal, José Sérgio Gabrielli, mesmo que tenha de importar óleo diesel, a Petrobrás vai cumprir a determinação do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama), disponibilizando diesel com 50 partes por milhão (PPM) de enxofre, chamado de S-50, ante os 500 ppm vendidos hoje em regiões metropolitanas.

A idéia, segundo ele, é colocar o diesel 50 apenas nas frotas cativas de transporte público de São Paulo e Rio.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.