Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

McCain e Obama apelam para que senadores evitem desastre

INDEPENDENCE/LA CROSSE, Estados Unidos, 1o de outubro (Reuters) - O candidato republicano à Presidência dos Estados Unidos, John McCain, disse que o projeto de resgate de Wall Street modificado é um passo decisivo na direção correta, e advertiu que, se o Senado não aprová-lo na quarta-feira, os problemas financeiros do país serão muito maiores. Se o projeto de resgate financeiro for barrado no Congresso mais uma vez, a presente crise irá se tornar um desastre, disse o senador. No caso deste projeto, eu acredito que há pessoas de boa vontade o suficiente em ambos os partidos para auxiliar os Estados Unidos a passar por esta crise, disse ele em um evento de campanha.

Reuters |

McCain voltará para Washington mais tarde no dia para votar no projeto.

Já o candidato democrata, Barack Obama, disse nesta quarta-feira que é crucial que os parlamentares aprovem o pacote de resgate financeiro de 700 bilhões de dólares, para evitar uma catástrofe econômica.

"Aos democratas e aos republicanos que se opuseram a este plano, eu digo isto: vocês têm que fazer o que precisa ser feito. Façam o que é o certo para o país, porque a hora para agir é agora", disse Obama em um comício em La Crosse, Wisconsin.

"Está claro que é isso o que devemos fazer no momento para prevenir que uma crise se torne uma catástrofe."

(Reportagem de Jeff Mason em Independence e Caren Bohan em La Crosse)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG