Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

MaxiMídia 2008: consumidor popular quer comunicação de qualidade, diz pesquisa

A apresentação de uma pesquisa realizada pelo IBOPE em parceria com a Troiano Consultoria de Marcas, sobre as características de consumo das classes populares, abriu o segundo dia do MaxiMídia 2008, um dos eventos de comunicação mais importantes do País.

Andréia Brasil, especial para o Último Segundo |

A apresentação do levantamento foi feita por Cecília Russo, da Troiano Consultoria, e Marcelo Coutinho, do IBOPE Inteligência. Segundo Coutinho, atingir as camadas de baixa renda não é um desafio fácil, mas é muito importante aprender como abordar e trabalhar para esse público.

"Cerca de 120 milhões de pessoas vivem com renda entre 1 e 3 salários mínimos e todas têm projetos e sonhos. As marcas ajudam a realizar esses desejos. Por isso, elas precisam pensar em modelos de negócio que incluam esses consumidores", disse.

Para Cecília Russo, o ponto chave para as marcas é conseguir conquistar a confiança desse público. "Uma marca precisa adquirir esse status. A pesquisa revelou que as marcas consideradas mais confiáveis são aquelas que melhor representam os projetos, a idealização dessas pessoas", afirmou.

"Entre os itens mais importantes para essa camada, em relação às marcas, é a comunicação, que precisa ter qualidade. Como na história das mil e uma noites, as marcas precisam ter sempre uma nova história para contar", finalizou.

Entre os debatedores do painel estavam Hugo Janeba (Vivo), Marcel Sacco (Schincariol), Marcelo Velloso (Losango), Mauro Multedo (McDonald's). Para eles, que assistiram aos resultados junto ao público do MaxiMídia, é muito importante conhecer a visão dos consumidores populares sobre as marcas.

"O desafio do marketing da empresa é entender como se aproximar desse público. E a propaganda para ele não deve ser pobre, pelo contrário, deve ser sofisticado e criativo", disse Marcelo Velloso, da Losango.

Ainda hoje serão debatidos a fragmentação da audiência e o aumento dos canais de televisão, em palestra de por Mark Warshaw, diretor da produtora Flatworld Intertainment, e os desafios de comprar e vender mídia no século 21, em um painel com Ângelo Frazão (McCann Erickson), Paulo Camossa (AlmapBBDO) e Paulo Queiroz (DM9DDB).

Leia também:

 

Leia tudo sobre: maximídia 2008

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG