Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Marta, Crivella e Jô Moraes estão à frente em São Paulo, Rio e Belo Horizonte

SÃO PAULO - O Ibope divulgou no sábado mais uma rodada de intenções de voto sobre a eleição a prefeito em São Paulo, Rio e Belo Horizonte. A pesquisa, encomendada pelo jornal O Estado de S.Paulo e a Rede Globo, traz os candidatos Marta Suplicy (PT) e Geraldo Alckmin (PSDB) em empate técnico em São Paulo. Têm respectivamente, 34% e 31% das intenções de voto.

Valor Online |

Em seguida, vem o prefeito Gilberto Kassab (DEM), em empate técnico com o deputado federal Paulo Maluf (PP). Têm, respectivamente, 10% e 9%. Soninha Francine (PPS) tem 2%. Num hipotético 2 turno, Alckmin venceria Marta por 47% a 43%. Ambos bateriam Kassab. Alckmin por 58% a 23% e Marta, por 51% a 35%. O percentual de indecisos é de apenas 8%.

Maluf é o candidato com maior grau de rejeição - 61% - enquanto Marta colhe 33% de entrevistados que não votariam nela de jeito algum. Alckmin tem a mais baixa rejeição e Kassab é o menos conhecido.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o governador José Serra, revelaram-se, na pesquisa, boas companhias para seus candidatos. O governo Lula é bom/ótimo para 48% dos entrevistados e o de Serra, 41%.

No Rio, O senador Marcelo Crivella (PRB) mantém a primeira posição, com 23%, mas lidera no quesito rejeição (29%). Jandira Feghali (PCdoB/PSB) continua em segundo, com 14%. Em terceiro, empatados, estão Eduardo Paes (PMDB-) e Fernando Gabeira (PV/PSDB/PPS), com 8%. A candidata Solange Amaral (DEM) tem 5%, Chico Alencar (PSOL/PSTU), 4%, e Alessandro Molon (PT), 3%.

No segundo turno, Crivella aparece em empate nas simulações contra Jandira Feghali - os dois teriam 33%. No cenário que envolve Crivella e Eduardo Paes, o candidato do PRB supera o do PMDB por 35% a 29%. Há 69% de pesquisados, no entanto, que anunciaram voto nulo, em branco ou dizem não saber. Não é apenas Crivella que tem alta rejeição: 20% disseram que não dariam seu voto a Gabeira; e 16%, a Solange. Dos que apareceram com melhor performance, Jandira teve 13% de rejeição e Eduardo Paes, 12%.

Em Belo Horizonte, a candidatura de Márcio Lacerda (PSB), que tem o apoio do governador Aécio Neves (PSDB) e do prefeito de Belo Horizonte, Fernando Pimentel (PT), larga em terceiro lugar, com 8%. A disputa é liderada pela candidata do PCdoB, Jô Moraes, com 17%, seguida pelo candidato do PMDB, Leonardo Quintão, com 14%. Em Belo Horizonte, o grau de indefinição dos entrevistados chega a 71%.

(Valor Econômico)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG