Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mantega confirma adiamento de prazo para recolhimento de tributos

BRASÍLIA - O governo vai adiar o prazo de recolhimento de alguns tributos, a fim de aliviar os efeitos da crise financeira sobre o setor produtivo, confirmou hoje o ministro da Fazenda, Guido Mantega. Segundo afirmou na reunião do Conselho Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (CNDES, o Conselhão), o governo também vai acelerar a devolução de créditos tributários para aumentar o capital de giro das empresas.

Valor Online |

O recolhimento do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) passará do dia 15 de cada mês para o dia 25. PIS-Cofins sai do dia 20 para 25. O INSS e o Imposto de Renda Retido na Fonte vão do dia 10 para o 20.

Mantega reconheceu que o aumento de prazo é pequeno, mas destacou que a medida atenderá a uma reivindicação das empresas e não impactará demais a arrecadação federal.

Entre as novas medidas anti-crise que o ministro está apresentando na reunião do Conselhão também consta a garantia de preço mínimo pelo governo para a safra 2008-2009. Segundo Mantega, ou o governo comprará a produção ou pagará a diferença entre o preço mínimo e o de mercado. Ele, porém, não anunciou o volume de recursos que o governo vai direcionar para essa finalidade.

(Azelma Rodrigues | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG