Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mais um banco vai à falência nos EUA, a 10ª do ano

Os órgão reguladores do Estado da Georgia fecharam, nesta sexta-feira, o Integrity Bancshares, de Alpharetta, e venderam todos os depósitos para o Regions Financial Corp, com sede em Birmingham (Alabama). O Integrity Bank foi o décimo banco a falir nos Estados Unidos neste ano.

Agência Estado |

O Integrity, um banco comunitário dos subúrbios de Atlanta e fundado em 2000, estava sob inspeção dos órgãos reguladores desde o início do ano, pois esgotou seu capital e se debatia sob o peso da crescente inadimplência nos empréstimos, um problema comum por todo o país, com os bancos lutando contra as conseqüências do estouro do bolha imobiliária. Muitos dos empréstimos com problemas do banco estavam atrelados a uma incorporadora imobiliária da Flórida.

A Corporação Federal de Seguro de Depósitos (FDIC, na sigla em inglês) estimou que a falência do Integrity vai custar ao seu fundo de seguro de depósitos entre US$ 250 milhões e US$ 350 milhões. O Integrity tinha US$ 1,1 bilhão em ativos em 30 de junho e US$ 974 milhões em depósitos. O Regions Financial também concordou em comprar US$ 34,4 milhões dos ativos do Integrity, entre dinheiro e equivalente em dinheiro. O FDIC vai manter o restante para descarte futuro.

No início da semana, o FDIC elevou para 117 o número de bancos que identificava como em risco de falência, o maior número desde meados de 2003. No final do primeiro trimestre, essa lista de bancos com problemas tinha 90 nomes. As informações são da Dow Jones.

 

Leia tudo sobre: bancos

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG