Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Maioria de bolsas da Ásia termina com fortes quedas; Tóquio cede 6,9%

SÃO PAULO - As bolsas asiáticas fecharam em baixa nessa quinta-feria, acompanhando as fortes quedas registradas em Wall Street. O clima de pessimismo nos mercados foi provocado pelas quedas registradas ontem em Wall Street e pela percepção de riscos crescentes de deflação.

Valor Online |

As bolsas do Japão foram as que registraram a maior queda, com o índice Nikkei fechando negativo em quase 7%. Dados sobre as exportações japonesas intensificaram as incertezas nos mercados financeiros do país. O primeiro ministro divulgou redução de 7,7% das vendas externas em outubro, com relação ao mesmo perído do ano passado, a maior queda em 7 anos.

As empresas de tecnologia, como a Sony, lideraram as pressões no mercado do Japão. As incertezas com relação à diminuição da demanda dos EUA também provocaram recuo das ações de empresas seguradoras japonesas, como a Tokio Marine Holdings.

Em Tóquio, o Nikkei 225 fechou em queda de 6,89%, para 7703,04 pontos. O Hang Seng, de Hong Kong, declinou 4,04%, ficando em 12.298,56 pontos. Em Seul, o Kospi terminou em 948,69 pontos, com recuo de 6,70%. Na praça de Xangai, o Shanghai Composite cedeu 1,67%, aos 1.983,73 pontos.

(Vanessa Dezem | Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG