Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Lula volta a afirmar que é contra terceiro mandato

RIO - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a afirmar hoje que não tem aspirações a um terceiro mandato, durante discurso realizado na sede da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), em Manguinhos, na zona Norte do Rio de Janeiro. Lamento que o Paulo Buss (presidente da Fundação) vá deixar a Fiocruz, mas como somos contra qualquer hipótese de terceiro mandato, é bom que ele saia para ter alternância de poder, disse Lula, em referência ao comandante da entidade, que deixará o posto em janeiro de 2009, depois de dois mandatos de quatro anos. O substituto de Buss será definido em eleição a ser realizada ainda este ano.

Valor Online |

Lula também reforçou o papel do governo como incentivador da produção de fármacos e vacinas no país e elogiou a atuação da Fundação, que teria sido persistente na sua missão mesmo durante governos que não a incentivavam.

Além de citar as iniciativas do Brasil para inaugurar fábricas de vacinas em países africanos, Lula alfinetou governos anteriores que não priorizaram o tema. A Fiocruz sempre remou contra a corrente em épocas de estado mínimo, em que o governo não incentivava a produção de fármacos no país, afirmou.

Lula esteve na Fundação para acompanhar obras de modernização e lançar a Semana da Aleitamento Materno.

(Rafael Rosas | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG