Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Lula quer que Obama anuncie políticas contra crise assim que tomar posse

Arroyo Concepción (Bolívia), 15 jan (EFE).- O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse hoje esperar que, assim que tomar posse no próximo dia 20, o presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, anuncie as políticas objetivas que adotará para diminuir ou acabar a médio prazo com a crise econômica em seu país.

EFE |

Lula disse que é importante conhecer a estratégia de Obama porque os Estados Unidos são "a maior economia do mundo" e uma crise nesse país "traz problemas para todos" os outros que exportam para esse mercado.

"Por isso, nós, latino-americanos, africanos, indianos, temos que" atuar "para que a economia americana se recupere o mais rápido possível e para que o mundo volte a ter perspectivas de crescimento", declarou o presidente brasileiro.

O governante fez estas afirmações durante um discurso na localidade boliviana de Arroyo Concepción, na fronteira com o Brasil, onde inaugurou, junto com seu colega da Bolívia, Evo Morales, um trecho do corredor interoceânico que unirá a costa brasileira com portos do norte do Chile.

Lula também afirmou que o desafio em uma crise "sem precedentes na história da humanidade" é assumir que sua solução é tarefa "de todos", embora o atual colapso financeiro tenha surgido nos Estados Unidos, na União Europeia e no Japão.

Além disso, Lula defendeu que se atue com força "para não permitir que os pobres do mundo, que não participaram dos lucros da especulação, sejam as vítimas desta crise" e do que denominou "idiotice especulativa".

O presidente também lembrou que o ponto prioritário da reunião que o G20 - que agrupa as 20 maiores economias do mundo - realizará em Londres em 2 de abril será estabelecer uma nova regulação para o sistema financeiro internacional. EFE az/sc

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG