Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Lula: manter obras do PAC é questão de honra

A crise financeira mundial não vai interferir nos investimentos do governo federal no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), reiterou hoje o presidente Luiz Inácio Lula da Silva. É uma questão de honra do governo federal manter todas as obras do PAC, disse, durante o programa semanal de rádio Café com o Presidente.

Agência Estado |

A estratégia para enfrentar a crise econômica, na avaliação do presidente, é manter as obras de infra-estrutura e fortalecer o mercado interno. "Obviamente muita gente ficava entendendo que por conta da crise financeira internacional o PAC iria ter uma diminuição nos investimentos, no comprometimento das verbas do governo federal. Isso não vai acontecer", afirmou o presidente. Para Lula, 2009 será um ano "infinitamente melhor", e em 2010 grande parte das obras anunciadas pelo programa serão inauguradas.

A crise também foi discutida na 23ª Cúpula Ibero-americana, em El Salvador, da qual Lula participou na semana passada. "Todo mundo está consciente de que é preciso mudar o sistema financeiro internacional", voltou a alertar o presidente. Ele destacou a importância de fortalecer o mercado interno e as trocas comerciais entre os países da América Latina para enfrentar a turbulência financeira.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG