BRASÍLIA ¿ O ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência, Luiz Dulci, afirmou nesta segunda-feira que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva está acompanhando atentamente a crise financeira mundial. Segundo Dulci, Lula tem monitorado com muita seriedade esta situação.

Acordo Ortográfico

"Diria que o presidente está atento. Já fez várias reuniões nos últimos 15 dias com o ministro Guido e com o presidente do Banco Central. Esta é a postura adequada, é a postura responsável de um presidente da república, afirmou Dulci.

O ministro lembrou ainda que, apesar de estar atento, Lula está bastante confiante como o vigor da economia brasileira para enfrentar a crise. Lula está muito confiante, o que não significa que o país não sofrerá impacto. Todos os países do mundo sofrerão algum tipo de impacto, acrescentou.

Dulci descartou a possibilidade de o Brasil ser contaminado pela quebra dos bancos no mundo. O sistema financeiro brasileiro é saudável, não há razão para que ele seja contaminado pela quebra de bancos em outros países. A indústria brasileira está muito dinâmica e cresceu em competitividade. A moeda é forte, então não há razão para que sejamos arrastados pela crise financeira, completou.

Leia mais sobre a crise financeira global

    Leia tudo sobre: lula
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.