Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Lula diz que não há motivo para perder o sono por causa da inflação

BRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou hoje (3) que não há motivo para perder meia hora de sono com a inflação. O que precisamos é estar alertas para não permitir que a inflação saia, efetivamente, de controle, disse.

Valor Online |

A declaração foi dada durante discurso no lançamento o Plano Safra da Agricultura Familiar 2008/2009 e do Plano Safra Mais Alimentos, que tem como meta aumentar a produção de alimentos para reduzir os preços no mercado interno.

O presidente Lula criticou a especulação com os alimentos no mercado futuro, e disse ter pedido ao ministro da Fazenda, Guido Mantega, que monte uma equipe com técnicos do governo e da iniciativa privada para pesquisar o movimento que ocorre com os alimentos em todo o mundo.

Não tem explicação uma tonelada de arroz sair de US$ 300 para US$ 900 dólares, ou reais, em tão pouco tempo.

De acordo com Lula, a inflação no preço dos alimentos no Brasil será contida com mais produção. Temos gente para produzir, temos tecnologia e temos conhecimento, disse.

Bem-humorado, o presidente recomendou aos governadores do Distrito Federal, José Roberto Arruda, e da Bahia, Jacques Wagner, para seguirem o exemplo do Paraná e reduzissem o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) dos tratores para os agricultores familiares, que fazem parte do plano.

Eu vi a concordância dos dois que estão aqui, e certamente haverá de outros, disse.

O presidente também criticou a especulação com os preços do barril de petróleo e disse que a partir de setembro o Brasil já começa tirar o primeiro pouquinho de petróleo da camada pré-sal, descoberta recentemente na Bacia de Santos.

O Plano Safra da Agricultura Familiar prevê R$ 13 bilhões em financiamentos. Destes, R$ 6 bilhões são destinados ao Plano Safra Mais Alimentos.

(Agência Brasil)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG