Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Lula defende em Pequim candidatura do Rio a sede da Olimpíada de 2016

PEQUIM - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva já está em Pequim. Ele participa da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos, na noite de sexta-feira, em campanha pela cidade do Rio de Janeiro como sede da Olimpíada de 2016. O Rio concorre ao posto com outras três cidades: Madri (Espanha), Tóquio (Japão) e Chicago (Estados Unidos).

Valor Online |

A campanha a favor da capital fluminense começa amanhã. Após encontro com o presidente da Assembléia Nacional da China, Wu Bangguo, e com o presidente Hu Jintao, Lula visitará a Vila Olímpica. Lá, o presidente vai conhecer as instalações e almoçar com atletas e integrantes da delegação brasileira. Depois, irá à Casa Brasil - espaço criado pelo Comitê Olímpico Brasileiro com apoio do governo federal para divulgar a candidatura Rio 2016 e também pra mostrar aos chineses produtos e serviços brasileiros.

Na sexta-feira, antes da abertura dos jogos, continua a campanha para tornar o Brasil sede da Olimpíada de 2016 com o encontro entre o líder brasileiro e o presidente do Comitê Olímpico Internacional, Jacques Rogge. No mesmo dia, Lula participa de atividades oficiais com outros chefes de Estado que também estão em Pequim para a cerimônia de abertura dos jogos. Paralelamente à agenda olímpica, Lula deve ter reunião bilateral com o presidente de Israel, Shimon Peres - ainda este ano o presidente deve fazer um giro por países do Oriente Médio.

Ainda durante a visita de Lula à China, deve ser assinado documento que torna oficial a participação brasileira na feira internacional Expo Xangai 2010. O Brasil deve apresentar as cidades de Porto Alegre e São Paulo como modelo de planejamento urbano.

(Agência Brasil)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG