Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Lugo envia memorando a Lula sobre Itaipu

O presidente eleito do Paraguai, Fernando Lugo, entregou nesta sexta-feira a Marco Aurélio Garcia um memorando sobre a discussão do tratado de Itaipu, a represa hidrelétrica compartilhada por brasileiros e paraguaios sobre o rio Paraná.

AFP |

"A equipe de Lugo nos apresentou um memorando extremamente interessante no qual há uma lista de questões a discutir, de natureza econômica até questões jurídicas e obviamente políticas sobre Itaipu", disse Marco Aurélio Garcia à imprensa após conversar com o futuro presidente paraguaio.

O assessor especial para Assuntos Internacionais da presidência brasileira foi recebido por Lugo, que assumirá em 15 de agosto, e pelo futuro diretor paraguaio da usina de Itaipu, Carlos Mateo.

Marco Aurélio Garcia não revelou o conteúdo do memorando e alegou que "não é prudente divulgá-lo antes da análise do governo brasileiro", mas parece "uma excelente pauta de discussão".

Lula, que deve assistir à posse de Lugo dentro de 14 dias, terá na ocasião uma oportunidade para analisar o assunto, segundo Marco Aurélio Garcia.

"Começamos bem, com um acordo sobre a metodologia, sobre os temas que devemos discutir, e esperamos que esse clima positivo que se instalou hoje possa agilizar as negociações sobre Itaipu".

Lugo fez da questão de Itaipu um dos principais pontos de sua campanha à presidência, que acabou com 61 anos de poder contínuo do partido Colorado.

O futuro presidente paraguaio quer que o Brasil pague cerca de US$ 2 bilhões anuais pela energia que compra do Paraguai em Itaipu. Atualmente, essa conta é de 300 milhões de dólares.

O tratado de Itaipu foi firmado em 1973 pelos ditadores Alfredo Stroessner e Emílio Garrastazu Médici.

Leia tudo sobre: itaipu

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG