Tamanho do texto

Copenhague, 17 jul (EFE).- O lucro líquido da Nokia caiu 61% no segundo trimestre de 2008 em relação ao mesmo período do ano anterior, para 1,103 bilhão de euros, informou hoje a companhia finlandesa.

O lucro operacional da empresa foi de 1,474 bilhão de euros, 38% a menos, enquanto as vendas neste período subiram 4%, para 13,151 bilhões de euros, e o lucro por ação subiu 13%, para 0,36 euro.

Na divisão de celulares, a principal da companhia, houve um lucro operacional de 1,565 bilhão de euros, 12% a menos, com um faturamento de 9,09 bilhões, o que equivale a um decréscimo de 1%.

Entre abril e junho de 2008 a Nokia vendeu 122 milhões de telefones celulares, 21% a mais que no mesmo período do ano passado, embora o preço médio de venda por unidade tenha diminuído de 79 para 74 euros.

O fabricante finlandês calcula que tem uma parcela de 40% no mercado mundial de telefones celulares, dois pontos a mais do que há um ano, e que manterá esta porcentagem no terceiro trimestre.

O presidente da companhia, Olli-Pekka Kallasvuo, destacou em comunicado o aumento na fração de mercado e a sólida linha de lucro da Nokia, assim como o resultado das divisões de serviços, software e de equipes de telecomunicações.

A Nokia prevê que o volume de venda mundial de celulares aumente 10% ou mais este ano. EFE alc/fh/fal

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.