Tamanho do texto

Londres, 30 out (EFE).- A British American Tobacco (BAT) obteve lucro líquido atribuído de 1,906 bilhão de libras, 13,5% a mais do que no mesmo período de 2007, diz o relatório financeiro enviado hoje pela companhia à Bolsa de Valores de Londres.

O faturamento do grupo subiu para 8,704 bilhões de libras, 19% a mais do que na mesma época de 2007, enquanto o lucro operacional foi de 2,714 bilhões de libras, 17,8% a mais que ao do período comparado.

A BAT disse que se beneficiou nos últimos meses do aumento dos preços de venda, com taxas de câmbio "favoráveis", com sua diversificação de produtos e com a compra da Tekel e da Skandinavisk Tobakskompagni (ST).

Por áreas geográficas, a Europa forneceu 3,553 bilhões de libras às receitas totais, enquanto a América Latina contribuiu com 2,117 bilhões de libras.

A região da Ásia-Pacífico forneceu 1,588 bilhão de libras, a África e o Oriente Médio contribuíram com 1,065 bilhão de libras, enquanto a América-Pacífico proveram 381 milhões de libras.

Por marcas, o volume de vendas do Dunhill cresceu 5%, a do Lucky Strike 9%, a do Kent 21% e a do Pall Mall 25%.

O presidente da BAT, Jan du Plessis, afirmou em comunicado que o grupo compensou a queda do consumo com uma carteira de produtos que cobre os diferentes níveis de preços e acrescentou que a diversificação geográfica protege a companhia da volatilidade das taxas de câmbio.

A BAT declarou que continua "confiante" em sua habilidade para ter acesso aos mercados de capital.

Além disso, afirmou que os acordos financeiros fechados durante os últimos nove meses se dedicam a financiar as aquisições realizadas e a reduzir a dívida que está vencendo. EFE pdj/wr/fal