SÃO PAULO - A Dell apresentou vendas trimestrais de US$ 15,162 bilhões e lucro líquido de US$ 727 milhões, com recuo de 3% e 5%, respectivamente, em comparação aos US$ 15,646 bilhões e US$ 766 milhões somados no terceiro trimestre fiscal do calendário passado. Por ação, o lucro aumentou 9%, de US$ 0,34 para US$ 0,37.

A empresa notou que a desaceleração econômica global fez com que consumidores e empresas revisassem seus gastos com tecnologia. "Nosso modelo de negócios se adapta rapidamente a mudanças econômicas, mesmo o tipo de desafio que vimos no terceiro trimestre", declarou o executivo-chefe da fabricante de computadores, Michael Dell.

Ele notou que a empresa está simplificando a tecnologia da informação, reduzindo custos e maximizando a produtividade para os clientes.

A Dell salientou que a receita trimestral fora dos Estados Unidos representou 48% da receita total da empresa. Quanto ao Brasil, Rússia, Índia e China, a receita aumentou 20% e os embarques avançaram 43%. Esses países respondem por 9% da receita global da companhia.

As informações são da própria Dell e agências internacionais.

(Juliana Cardoso | Valor Online).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.