Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Lucro do Unibanco caiu 41,3% no trimestre a R$ 704 milhões

São Paulo - O Unibanco registrou lucro líquido de R$ 704 milhões no terceiro trimestre deste ano, queda de 41,3% em relação ao lucro de R$ 1,199 bilhão no mesmo período do ano passado, conforme os dados do balanço auditado que foi divulgado nesta quinta-feira pela instituição.

Agência Estado |

 

O lucro recorrente, que exclui efeitos extraordinários sobre o resultado, também ficou em R$ 704 milhões de julho a setembro de 2008. Nessa base, porém, trata-se de uma expansão de 5,5% sobre o lucro recorrente apresentado um ano antes, de R$ 667 milhões.

O retorno anualizado recorrente sobre patrimônio líquido médio no terceiro trimestre ficou em 23,9% no terceiro trimestre, queda em relação aos 26,5% vistos há um ano. A carteira de crédito do Unibanco atingiu R$ 74,272 bilhões, com evolução de 7,7% no trimestre e de 32,9% em 12 meses.

No dia 24 de outubro, o Unibanco antecipou a divulgação dos dados principais de seu resultado trimestral. O lucro e o volume de carteira de crédito apresentados nesta quinta-feira são equivalentes aos que foram revelados no final de outubro.

O Unibanco e o Itaú anunciaram na segunda-feira passada um acordo para unir as operações dos dois bancos. O negócio dará origem ao maior conglomerado financeiro do Hemisfério Sul, com valor de mercado que o situa entre as 20 maiores empresas do setor do mundo.

Crédito consignado

O Unibanco anunciou que comprou três carteiras de crédito consignado em outubro, totalizando R$ 64 milhões. A operação foi feita dentro das normas estabelecidas pelo Banco Central ao final de setembro. O nome das instituições que fizeram a cessão do crédito não foi informado.

Até 30 de setembro, o Unibanco registrava uma carteira de crédito consignado de R$ 4,276 bilhões, valor 11,5% menor que o registrado em igual mês de 2007 e 5% abaixo daquele demonstrado ao final do segundo trimestre.

De acordo com a instituição, a queda ocorreu porque o banco optou por, a partir do final do ano passado, priorizar as operações em que ele próprio realiza a concessão do crédito. O Unibanco atua neste segmento com correspondentes bancários, incluindo a Fininvest, no próprio banco e por meio de parcerias.

Leia mais sobre Unibanco

Leia tudo sobre: unibanco

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG