Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Lucro do Goldman Sachs cai 47% em nove meses e despenca 70% no trimestre

Nova York, 16 set (EFE).- O banco de investimento americano Goldman Sachs anunciou hoje que registrou lucro 47% menor nos nove primeiros meses de seu ano fiscal do que no mesmo período de 2007 e que seus ganhos no terceiro trimestre caíram 70% em relação à mesma época do ano anterior.

EFE |

Nos nove primeiros meses de seu ano fiscal, concluído em 29 de agosto, o Goldman Sachs auferiu lucro líquido de US$ 4,443 bilhões (US$ 9,62 por ação), 47% menos do que no mesmo período do ano passado, quando registrou ganhos de US$ 8,384 bilhões (US$ 17,75 por título).

Neste período, o Goldman Sachs faturou US$ 49,897 bilhões, queda de 25% frente aos nove primeiros meses do ano fiscal anterior, quando teve receita de US$ 66,434 bilhões.

Quanto ao terceiro trimestre, o banco de investimento lucrou US$ 845 milhões (US$ 1,81 por título), 70% menos do que na mesma época do ano passado, quando seu lucro líquido foi de US$ 2,854 bilhões (US$ 6,13 por ação).

Os resultados do Goldman Sachs, um dos dois bancos de investimento americanos que permanecem independentes após a falência do Lehman Brothers e a venda do Merrill Lynch, são piores do que o esperado pelos analistas de Wall Street.

"Foi um trimestre desafiante, pois vimos o mercado recuar tanto na atividade dos clientes quanto na valorização dos ativos", afirmou o presidente e executivo-chefe do Goldman Sachs, Lloyd Blankfein.

Apesar da deterioração das condições de mercado, o banco está "bem posicionado para satisfazer as necessidades dos clientes e identificar e atuar diante das oportunidades que surgirem no mercado", declarou Blankfein.

O Morgan Stanley, o outro banco de investimento americano que permanece independente junto ao Goldman Sachs, divulgará amanhã seu resultado trimestral. EFE bj/wr/fal

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG