Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Lucro da WEG cai 29% no 4º trimestre, para 97,7 milhões

SÃO PAULO - A fabricante de equipamentos e motores elétricos WEG encerrou o quarto trimestre de 2008 com lucro líquido de R$ 97,7 milhões, resultado 29% menor que os R$ 138 milhões observados em igual período de 2007. As vendas cresceram forte, mas maiores despesas financeiras, reflexo da variação cambial, prejudicaram a companhia.

Valor Online |

A receita bruta da WEG subiu 25% no comparativo anual, totalizando R$ 1,551 bilhão, sendo R$ 917 milhões provenientes do mercado interno e outros R$ 634 milhões das vendas externas, que avançaram 54,7% ante o quarto trimestre do ano passado.

Já a receita líquida teve expansão de 27%, somando R$ 1,29 bilhão. A geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização, da sigla em inglês) atingiu R$ 269 milhões, elevação de 16% no comparativo anual, com margem de 20,8%.

O custo dos produtos vendidos (CPV) ficou em R$ 875 milhões no trimestre, aumento de 32,1% no comparativo anual. A companhia não se beneficiou da queda de preços de algumas matérias-primas, como o cobre, em razão do consumo de estoques e das condições comerciais estabelecidas previamente. E sofreu com o aumento de custos em reais, decorrente da desvalorização cambial.

A perda de valor do real também teve impacto na conta financeira da companhia. Apesar do expressivo crescimento da receitas financeiras, que mais que dobraram para R$ 193 milhões, as despesas aumentaram mais ainda, quase quatro vezes, para R$ 269 milhões. Com isso, o resultado financeiro líquido ficou negativo em R$ 76 milhões.

A WEG lembra que os efeitos desta desvalorização sobre o endividamento em moeda estrangeira são imediatos, enquanto os efeitos positivos, de elevação das receitas de vendas ao mercado externo, são realizados ao longo do tempo.

A companhia também apontou que as variações cambiais sobre os investimentos no exterior deixaram de ser contabilizadas ao resultado do exercício e passaram a ser lançadas ao Patrimônio Líquido. No trimestre, estas variações foram de R$ 74,9 milhões, acumulando R$ 89,8 milhões em 2008.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG