Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Lucro da Natura cresce 31,6% no terceiro trimestre

SÃO PAULO - A Natura obteve lucro líquido de R$ 154 milhões no terceiro trimestre deste ano, o que representa uma alta de 31,6% sobre o ganho de R$ 117 milhões apurado em igual período do ano passado. Na mesma comparação, a receita líquida de vendas da empresa de cosméticos aumentou 22,3%, para R$ 921,1 milhões.

Valor Online |

O resultado da empresa medido pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi de R$ 227,3 milhões no terceiro trimestre, com avanço de 27% sobre o ano anterior. A margem Ebitda, que leva em conta a relação entre o Ebitda e a receita líquida, aumentou de 23,8% para 24,7% no mesmo intervalo.

Os números incluem as operações no Brasil e também no exterior, onde a empresa se encontra em fase de consolidação na Argentina, Chile e Peru e implantação no México, Colômbia e Venezuela. Também está na França, onde ainda apresenta resultados negativos, e analisa operações nos Estados Unidos.

Apenas no Brasil, a receita líquida da Natura cresceu 21,4% no trimestre, para R$ 868,4 milhões, devido ao lançamento de produtos, melhor comunicação com os canais de vendas e diminuição de despesas com impostos. O lucro líquido das operações brasileiras aumentou 25%, para R$ 167,1 milhões.

No relatório de resultados, a companhia afirma que " a combinação de uma política de hedge ampla e de uma alta liquidez posicionou favoravelmente a companhia para atravessar este período de instabilidade nos mercados financeiros " .

A empresa explica que sua política de hedge é desenhada para seis meses à frente e leva em conta não só os saldos em outras moedas, mas também os fluxos de fornecedores e operações internacionais. " Tomando o terceiro trimestre e previsões de fluxos para o quarto trimestre, estimamos um resultado líquido nestes seis meses de aproximadamente R$ 12 milhões de efeito favorável, considerando-se as paridades cambiais vigentes em 21 de Outubro de 2008 " , diz o texto. No final de setembro, a Natura tinha R$ 339,9 milhões em caixa, e R$ 519,5 milhões em financiamentos, com prazo médio de 15 meses.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG