SÃO PAULO - A sul-coreana LG anunciou ter encerrado o terceiro trimestre com uma queda de 92,7% em seu lucro líquido, na comparação com o mesmo período do ano anterior. O resultado recuou, nesse intervalo, de 339,2 bilhões de wons para 24,9 bilhões de wons (US$ 19,65 milhões), reflexo da desvalorização da moeda sul-coreana em suas dívidas em moeda estrangeira.

As vendas da companhia, por sua vez, aumentaram 21% no trimestre, em comparação com o mesmo período de 2007 e atingiram a marca de 6,89 trilhões de wons.

Segundo a LG, ela registrou um aumento de 14,5% no valor do dólar em relação ao won em seu balanço. Isso elevou significativamente os valores necessários para o serviço de suas dívidas em moeda estrangeira. Outro motivo para a forte retração no lucro foi uma perda de 125 bilhões de wons relacionada a uma mudança de método no cálculo dos ganhos com investimentos em subsidiárias estrangeiras e aos investimentos realizados em sua divisão de telas planas.

Essa área da companhia, denominada LG Display, anunciou na semana passada uma queda de 43,7% em seu lucro líquido no terceiro trimestre, que foi a 295 bilhões de wons (US$ 233 milhões). A LG é dona de 37,9% do capital da LG Display.

A companhia sul-coreana afirma que entre julho e setembro vendeu 23 milhões de aparelhos celulares, 5% mais que no mesmo intervalo de 2007. Na comparação com os três meses imediatamente anteriores, porém, a empresa registrou uma queda de 17% nas vendas de telefones móveis, muito por conta da retração no desempenho na Índia e em outros mercados emergentes.

A LG, porém, manteve sua meta de vender 100 milhões de celulares neste ano, apostando num crescimento no ritmo de comercialização no quarto trimestre.

(Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.