Tamanho do texto

NOVA YORK (Reuters) - A Johnson & Johnson apresentou nesta terça-feira lucro melhor que o esperado no primeiro trimestre, com forte crescimento nas vendas de aparelhos médicos compensando a queda na receita com medicamentos e desempenho fraco em produtos de consumo.

A companhia afirmou que lucrou 4,53 bilhões de dólares, ou 1,62 dólar por ação, contra 3,51 bilhões de dólares, ou 1,26 dólar por ação, um ano antes.

NOVA YORK (Reuters) - A Johnson & Johnson apresentou nesta terça-feira lucro melhor que o esperado no primeiro trimestre, com forte crescimento nas vendas de aparelhos médicos compensando a queda na receita com medicamentos e desempenho fraco em produtos de consumo.

A companhia afirmou que lucrou 4,53 bilhões de dólares, ou 1,62 dólar por ação, contra 3,51 bilhões de dólares, ou 1,26 dólar por ação, um ano antes.

Excluindo-se itens especiais, como ganhos de 910 milhões de dólares após impostos em questões judiciais, a empresa teve lucro de 1,29 dólar por ação. Analistas esperavam em média 1,27 dólar por ação, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

Citando mudanças cambiais, a J&J reduziu sua estimativa de lucro no ano, excluindo-se itens especiais, para entre 4,80 e 4,90 dólares, contra visão anterior de entre 4,85 e 4,95 dólares por ação.

As ações da empresa seguiam perto da estabilidade no pregão eletrônico.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.