Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Lucro da Gazprom cresce 30% no 1º trimestre do ano

Moscou, 22 out (EFE) - A companhia de gás russa Gazprom registrou aumento de 30% em seu lucro líquido no primeiro trimestre do ano, anunciou hoje a empresa em comunicado. O lucro da Gazprom de janeiro a março chegou a 273,4 bilhões de rublos (7,82 bilhões de euros), em grande medida devido ao aumento do preço dos hidrocarbonetos. Por sua vez, as vendas aumentaram 47,8% nos primeiros três meses do ano (mais de 902,944 bilhões de rublos), enquanto a dívida líquida caiu 10%, até os 31 bilhões de euros. O diretor da companhia, Alexei Miller, afirmou que a Gazprom terá um lucro líquido no final de ano de US$ 30 bilhões. A era do gás e do petróleo baratos acabou. Apesar da crise financeira, os preços dos hidrocarbonetos continuarão sendo altos.

EFE |

Além disso, os analistas esperam que os preços aumentem a médio prazo", ressaltou.

Miller lembrou que o preço do gás natural que a Gazprom fornece à Europa bateu um recorde histórico em 1º de outubro de US$ 500 por cada mil metros cúbicos de gás.

A Gazprom, o maior produtor mundial de gás, com 20% do total, foi convidada a explorar jazidas de gás do Alasca, anunciou Miller.

O diretor da empresa russa tinha repetido em várias ocasiões nos últimos meses que a companhia estava muito interessada em participar de um gasoduto entre Alasca e a costa oeste dos Estados Unidos.

Para isso, a Gazprom fez uma oferta formal a ConocoPhillips (EUA) e British Petroleum (Reino Unido), depois que as duas companhias informaram que buscavam novos parceiros que pudessem dividir os riscos do projeto, cujo custo é estimado em US$ 30 bilhões.

A empresa russa se transformou na terceira maior companhia mundial em valor de mercado (US$ 340 bilhões) depois que o presidente de seu diretório, Dmitri Medvedev, assumiu a Chefia do Kremlin, em 7 de maio. EFE io/db

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG