Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Lucro cai, mas Nokia aumenta vendas no trimestre

SÃO PAULO - A Nokia terminou o segundo trimestre com lucro líquido de 1,103 bilhão de euros, ou 0,29 euro por ação, com queda de 61% na comparação com os 2,828 bilhões de euros, ou 0,72 euro o papel, obtidos em mesmo período de 2007. Naquela época, porém, a empresa registrou um ganho extraordinário decorrente da formação de sua unidade de redes Nokia Siemens Networks.

Valor Online |

Neste trimestre, a empresa assumiu despesas extraordinárias de 259 milhões de euros pelo fechamento de uma fábrica na Alemanha e de 201 milhões de euros em gastos com reestruturação. Se fossem desconsiderados esses fatores, a Nokia teria tido lucro de US$ 0,36 por ação.

As vendas líquidas somaram 13,151 bilhões de euros, melhores do que os 12,587 bilhões de euros do segundo trimestre do exercício anterior.

A companhia finlandesa estimou que o volume de vendas de aparelhos móveis em toda a indústria correspondeu a 303 milhões de unidades entre abril e junho, com elevação de 15% na comparação anual. A Nokia sozinha despachou 122 milhões de unidades no trimestre, avanço de 21%.

Em nota, a Nokia calculou que sua participação no mercado de dispositivos móveis se situou em 40%, acima dos 38% no segundo trimestre de 2007.

Para o restante do ano, estamos otimistas e tivemos um bom retorno sobre a variedade de novos produtos que esperamos vender no segmento de dispositivos, declarou o executivo-chefe da empresa, Olli-Pekka Kallasvuo.

A expectativa é de que o volume de aparelhos da indústria no terceiro trimestre este ano tenha alta na comparação com os três meses anteriores e que aumente 10% ou mais em 2008 no confronto com a 1,14 bilhão de unidades previstas pela Nokia para o ano passado.

(Juliana Cardoso | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG