Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Lote D fica sem propostas em leilão da Aneel

RIO - Nenhuma empresa apresentou proposta para o lote D do leilão de linhas de transmissão da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que é realizado na Bolsa de Valores do Rio de Janeiro. A receita anual máximo estabelecida era de R$ 9,074 milhões.

Valor Online |

O lote D inclui a construção de quatro linhas de transmissão no Rio Grande do Sul. A primeira, de 11 km, é subterrânea e fica em Porto Alegre. Há outra linha na capital gaúcha, de 10 km. A terceira liga Porto Alegre a Nova Santa Rita, com 27 km, e a última, de 33 km, vai de Monte Claro a Garibaldi.

A estimativa para a entrada em operação das novas linhas é de até 24 meses. O empreendimento, segundo a Aneel, irá possibilitar o reforço do suprimento de energia das regiões metropolitanas de Caxias do Sul e de Porto Alegre.

Estavam aptas a fazer proposta a Abengoa Concessões Brasil Holding S/A, a Abengoa Construção do Brasil Ltda., a Alupar Investimentos S/A, a Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista - Cteep, a Cymi Holding S/A, ECTE - Empresa Catarinense de Transmissão de Energia S/A, a Eletrosul Centrais Elétricas S/A e a Orteng Equipamentos e Sistemas Ltda.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG