Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Lloyds TSB anuncia a compra do HBOS por 15,4 bilhões de euros

O banco britânico Lloyds TSB anunciou nesta quinta-feira a compra do holandês Halifax Bank of Scotland (HBOS) por 12,2 bilhões de libras (15,4 bilhões de euros) tudo em ações, uma compra pela qual o governo está disposto a modificar a lei sobre a concorrência.

AFP |

O novo grupo deve ser o terceiro em termos de capitalização entre os bancos britânicos.

Ao término desta oferta recomendada, precipitada pelo desabamento na Bolsa nos últimos dias do HBOS, maior credor imobiliário cotado no Reino Unido, o Lloyds TSB propôs 0,83 por ação do Lloyds TSB por cada ação do HBOS, valorizando este último em 12,2 bilhões de libras, no preço de fechamento do Lloyds TSB na noite de quarta-feira (279,75 pence).

Com esta fusão, os atuais acionistas do Lloyds TSB terão aproximadamente 56% do capital do Lloyds TSB, enquanto os atuais acionistas do HBOS ficarão com 44%.

Os atuais presidente e diretor geral do Lloyds TSB, Sir Victor Blank e Eric Daniels, manterão seus cargos no novo grupo.

Blank disse em um comunicado que esta compra era para o Lloyds TSB "uma oportunidade única de acelerar e de expandir sua estratégia e criar um grupo de serviços financeiros líder no Reino Unido". Ele considerou que se trata de "um bom negócio para os clientes e para os acionistas".

O presidente do HBOS, Dennis Stevenson, disse que esta é uma "boa transação para o HBOS e seus acionistas". "Diante do altíssimo nível de volatilidade no nosso setor, o novo grupo será um dos mais fortes no setor dos serviços financeiros no Reino Unido", declarou.

O governo anunciou sua intenção de criar uma emenda, assim que o Parlamento voltar a trabalhar no início de outubro, para a lei sobre as empresas de 2002, e estender o campo de aplicação das fusões que podem ser autorizadas por questões de interesse público, mesmo que possa haver problemas de concorrência.

O governo, que agiu após consultar o ministério das Finanças, a Autoridade dos Serviços Financeiros (FSA) e o Banco da Inglaterra, indicou querer assim "garantir a estabilidade do sistema financeiro britânico".

A autoridade dos serviços financeiros (FSA) britânico comemorou a compra, considerando-a "um movimento bem-vindo que vai sem dúvida aumentar a estabilidade nos mercados financeiros e melhorar a confiança dos clientes e dos investidores do setor britânico das finanças".

A FSA repetiu que o HBOS era um "banco bem capitalizado, que continua se financiando de maneira satisfatória".

od/lm/fp

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG