Os chefes de Estado e governo dos grandes países industrializados e emergentes do G20 concordaram em se reunir novamente antes do dia 30 de abril de 2009, com o objetivo de verificar a execução dos princípios e decisões adotados neste sábado, segundo o comunicado divulgado ao término de sua primeira cúpula, em Washington.

O presidente francês, Nicolas Sarkozy, propôs que o próximo encontro do grupo aconteça em Londres, já que a Grã-Bretanha deve ser o próximo país a assumir a presidência rotativa do G20, atualmente exercida pelo Brasil.

npk/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.