O fabricante chinês de computadores Lenovo anunciou nesta quinta-feira que demitirá 2.500 funcionários, o que representa 11% de seu pessoal, após sofrer prejuízos devido à crise econômica mundial.

O gigante chinês destaca em um comunicado enviado à Bolsa de Hong Kong que a medida permitirá uma economia de 300 milhões de dólares no exercício financeiro que termina em 21 de março de 2010.

kma/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.