Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Leilão de trem entre SP e RJ deve ocorrer em 2009

O secretário Nacional de Política de Transportes do Ministério dos Transportes, Marcelo Perrupato, informou hoje que o governo deverá concluir entre o final de outubro e início de novembro a modelagem econômico-financeira do projeto do Trem de Alta Velocidade (TAV) que ligará as cidades do Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP) e Campinas (SP). A previsão do secretário é de que o leilão seja marcado para março de 2009.

Agência Estado |

"Nossa expectativa é de que as obras sejam iniciadas entre o final de 2009 e início de 2010, com prazo de conclusão de quatro anos", disse Perrupato, após participar da abertura TranspoQuip 2008 - exposição e congresso de infra-estrutura de transportes, que começou hoje em São Paulo.

O secretário estima que o projeto exija investimentos da ordem de US$ 15 bilhões, sendo 70% do montante previsto para os primeiros cinco anos do TAV. Segundo ele, o investimento pesado exigirá que a obra seja feita em conjunto entre o governo e a iniciativa privada. Perrupato evitou falar de quanto deverá ser a participação do governo no projeto.

Na opinião do secretário, o grande desafio do projeto é viabilizá-lo até meados de 2014, quando o Brasil sediará a Copa do Mundo de Futebol. Perrupato informou ainda que existem atualmente pelo menos quatro grandes grupos estrangeiros interessados na licitação, sendo um francês, um alemão, um japonês e outro sul-coreano. "São países que detém hoje a tecnologia para construção de um trem de alta velocidade", explicou.

De acordo com ele, a ordem de construção dos trechos não deverá ser definida pelo governo, e sim pelo consórcio que apresentar a proposta vencedora. "O importante é que a obra toda esteja concluída em 2014", disse. O governo se preocupará em definir padrões de tempo de viagem e conforto para o usuário do modal, complementou o secretário.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG