Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Leilão da ANP comercializa 264 milhões de litros de biodiesel

Rio, 14 - O leilão de biodiesel realizado hoje pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) comercializou 264 milhões de litros de 23 unidades. O valor total pago foi de R$ 687 milhões.

Agência Estado |

O valor médio da venda foi de R$ 2,60, um deságio de 0,59% sobre o valor de referência dado pela ANP no início do leilão, de R$ 2,62. No total foram movimentados 347 milhões de litros, mas apenas 264 milhões estavam previstos para serem adquiridos hoje.

Segundo a ANP, a ADM foi a maior vendedora, responsável por 12,8% no volume negociado, ou 33,9 milhões de litros. No leilão, das unidades participantes, nove são do Centro-Oeste, quatro do Nordeste, quatro do Sul, duas do Sudeste e uma do Norte do País.

Amanhã, haverá novo leilão de biodiesel visando a comercialização de 66 milhões de litros. O objetivo dos dois leilões é atender à demanda que aumentou com a obrigatoriedade de adição de 3% de biodiesel ao óleo diesel vendido no Brasil. A mistura B3 entrou em vigor em 1ºde julho de 2008. Estão habilitadas a participar 57 empresas.

O leilão de hoje foi aberto somente para produtores detentores do selo "Combustível Social", e o 11º Leilão, amanhã, será destinado para as todas as empresas que cumpram as exigências da ANP. Para participar de qualquer um dos leilões, os produtores precisam ter autorização da ANP para exercer a atividade de produção de biodiesel, contar com o Registro Especial da Secretaria da Receita Federal e cadastro no Sistema de Cadastramento Unificado de Fornecedores (Sicaf).

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG