Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Lasanha de carne bovina tinha frango

A boa e velha lasanha à bolonhesa, feita normalmente com carne bovina, também pode vir com pedaços de frango misturado. Mesmo que você não queira isso.

Agência Estado |

Esse é o risco que se corre ao comprar o produto congelado nos supermercados. Avaliação realizada pela Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (Pro Teste) em sete marcas de lasanha industrializada encontrou pedaços de frango em duas delas, sem que isso estivesse mencionado na embalagem. Apresentaram o problema as marcas Great Value e Perdigão.

"Isso não pode acontecer. As embalagens anunciam que os produtos são feitos com carne bovina moída e presunto e não mencionam frango", afirma Alessandra de Macedo, coordenadora da área técnica de produtos da Pro Teste.

Já do ponto de vista nutricional, as sete marcas foram mal avaliadas: continham excesso de sal, além de gorduras saturadas e trans. Três das lasanhas - Frescarini, Great Value e Pão de Açúcar - chamaram a atenção por não terem o selo do Serviço de Inspeção Federal (SIF), obrigatório para esse tipo de produto.

"Em média, mais de 40% das calorias da lasanhas provêm das gorduras, quando o ideal é que não ultrapasse 25%", diz Alessandra. Na Sadia, por exemplo, 46% das calorias são "gordurosas".

O teste detectou ainda 1,5 g de gordura trans na porção de 300 g da Frescarini, e 1,3 g na Pão de Açúcar. "Não deveriam apresentar nenhuma quantidade de trans, pois não há um valor diário de referência para consumo. Elas contribuem para formação de placas na corrente sanguínea", diz a técnica do Pro Teste.

Quanto ao sal, o consumo diário não deve ultrapassar 6 gramas, mas uma porção de 325 g das marcas Batavo e Perdigão contém mais de 60% das necessidades diárias.

A Frescarini, a Sadia (dona da marca Rezende) e a Great Value (do Grupo Wal-Mart) informam que procuram alternativas para reduzir os teores de gorduras e sal nos produtos, mas o processo requer tempo. A Great Value diz, ainda, que sua lasanha congelada passou por troca de fornecedores, e a pesquisa foi feita com o fornecedor antigo.

A Perdigão - proprietária da Batavo - diz que não utiliza carne de aves na lasanha à bolonhesa e questiona a metodologia utilizada para a análise. Sobre a ausência do selo do SIF, a Frescarini diz que todas as matérias-primas de origem animal para a elaboração do produto contém o selo.

Já o Pão de Açúcar afirma que sua lasanha está na categoria de "alimentos prontos e semiprontos" e não necessita do registro. A empresa contesta as informações e resultados das análises realizadas porque o Pro Teste não divulga a metodologia, lotes e correta rastreabilidade do produto.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG