A multinacional química alemã Lanxess vai investir R$ 18,5 milhões na construção de uma usina de co-geração de energia a partir da queima do bagaço de cana. A usina terá capacidade de 4,5 MW e deve começar a funcionar em 2010.

Vai atender à demanda por energia e vapor dágua da unidade de pigmento de óxido de ferro em Porto Feliz (SP).

Segundo a empresa, cerca de 80% do investimento será bancado com recursos do BNDES, e o restante será próprio. O valor integra os R$ 50 milhões anunciados em investimentos para o Brasil até 2009. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.