SÃO PAULO - A Klabin anunciou que seu conselho de administração aprovou a recompra de até 46.171.

707 ações preferenciais de sua emissão, que representam 10% do total de papéis em circulação no mercado. As ações recomprados poderão ser canceladas ou alienadas.

Pela cotação de hoje, com os papéis da empresa a R$ 3,52 no fechamento (alta de 18,91%), o valor da recompra poderia superar R$ 160 milhões.

A operações devem ocorrer nos próximos 365 dias e serão intermediadas pelas corretoras do Itaú, Bradesco e Unibanco.

(Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.