Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Juro maior já afeta venda de veículos, diz Anfavea

SÃO PAULO - O aperto monetário iniciado em abril deste ano pelo Banco Central (BC) já teve influência sobre as vendas de automóveis novos. Nesta quinta-feira, o presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), Jackson Schneider, colocou o juro mais alto como um dos responsáveis pela desaceleração observada em agosto no ritmo de crescimento das vendas.

Valor Online |

 

Segundo ele, parte do crescimento mais cadenciado pode ser reflexo da Selic maior e do seu efeito sobre o crédito para aquisição de veículos. Além disso, Schneider lembrou que a indústria atingiu um novo patamar de volume de vendas, o que torna mais difícil uma expansão na casa dos 20% a 25%, como vinha ocorrendo. "Atendemos a uma demanda reprimida e chegamos a um novo patamar", disse o executivo.

Durante o mês de agosto, as montadoras instaladas no Brasil registraram o licenciamento de 244,8 mil veículos, uma alta de apenas 4% em relação ao mesmo período do ano passado. Trata-se da menor taxa de crescimento desde junho de 2006, quando se compara um mês com o seu par no exercício anterior.

O desempenho, entretanto, também foi influenciado pelo menor número de dias úteis observados em agosto deste ano, 23, contra 21 do mesmo mês de 2007. Se consideradas a média diária de vendas, o salto passa a 14%.

Outro fator que chama a atenção quando se analisa o arrefecimento das vendas é crescimento dos estoques. Em agosto, a cadeia automotiva tinha 251.327 veículos em estoque, o equivalente a 30 dias de vendas. Em julho, o volume estava em 217.078 unidades, correspondente a 23 dias de vendas.

No entanto, o presidente da Anfavea minimizou os estoques maiores. Na sua visão, não dá para considerar elevado o patamar de 30 dias registrado em agosto, porém admitiu que trata-se de um movimento importante, que será observado com mais atenção pelas montadoras.

Leia mais sobre Anfavea

Leia tudo sobre: anfavea

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG