F em alta - Home - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Juro futuro abre pregão na BM F em alta

As projeções das taxas de juros a partir dos contratos futuros de depósitos interfinanceiros (DIs) negociados na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F) estão em alta no início do pregão regular, alimentadas pela preocupação com a inflação. O DI com vencimento em janeiro de 2010 projetava, às 10h10, taxa de 15,19% ao ano, ante o fechamento de 15,14% ontem à tarde.

Agência Estado |

Além da inflação, que já é uma preocupação global, os investidores acompanham a evolução dos preços do petróleo, com a percepção cada vez mais consolidada de que as pressões de preços estão longe de desaparecer.

Diante desse quadro, a desaceleração da taxa de inflação doméstica medida pelo Índice de Preços ao Consumidor - Semanal (IPC-S), da Fundação Getúlio Vargas (FGV), e o resultado divulgado hoje pelo IBGE sobre a produção industrial brasileira em maio, no piso das expectativas dos analistas, não são suficientes para abrandar os temores do mercado. Segundo operadores, há um movimento leve de ordens de prevenção de prejuízo ("stop loss") nos contratos futuros de DI.

Mais cedo, o Banco Central interveio com duas operações no mercado aberto, recolhendo o excesso de recursos das tesourarias bancárias. Na primeira, recolheu R$ 39,2 bilhões até 24 de julho, sob remuneração básica de 12,20% ao ano. Na segunda operação, pelo prazo de um dia útil, as propostas aceitas formuladas pelas instituições financeiras e aceitas pela autoridade monetária somaram R$ 47,425 bilhões, à taxa de 12,18% ao ano.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG