Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Juíza suspende inquérito sobre operação que investiga Agrenco

São Paulo, 10 - A juíza federal Ana Cristina Krämmer, da Vara Criminal de Santa Catarina, suspendeu, em decisão do dia 2 de outubro, o andamento do inquérito policial sobre a Operação Influenza, deflagrada pela Polícia Federal em junho. A operação culminou na prisão de três ex-executivos da Agrenco acusados de desvio de recursos, sonegação fiscal e de fraudar balanços financeiros.

Agência Estado |

De acordo com informações da assessoria de imprensa da Vara Criminal de Santa Catarina, a suspensão será válida até que o Tribunal Regional Federal da 4ª Região defina uma posição a respeito de parte das escutas telefônicas feitas durante a investigação.

Em decisão do dia 25 de setembro, a juíza Ana Cristina anulou todas as escutas telefônicas feitas pela Justiça Estadual, pois a autorização para os grampos foi dada por um juiz de plantão, sem competência criminal. A juíza entende que essas provas são ilícitas e, portanto, não podem ser utilizadas no processo.

Ao mesmo tempo, a juíza indeferiu na mesma sentença o pedido da defesa que pedia a suspensão do indiciamento dos executivos e a restituição de bens apreendidos. Os ex-executivos da Agrenco investigados no inquérito são Antônio Iafelice, Francisco Ramos e Antônio Augusto Pires.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG