Tamanho do texto

SÃO PAULO - A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) informou hoje que firmou Termo de Compromisso antes mesmo de instaurar um processo sancionador em um caso envolvendo compra de ações da JBS pelo JP Morgan antes da publicação do anúncio de encerramento da oferta de ações da companhia. Como o JP Morgan atuou como intermediário da operação, na condição de coordenador, esse tipo de negociação é vedado.

Para evitar o processo, o JP Morgan e o seu diretor responsável na época, Ricardo Stern, se comprometeram a pagar à CVM R$ 50 mil e R$ 30 mil, respectivamente.

(Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.