Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

JFE pode adiar projeto no Brasil

A japonesa JFE Steel Corp, terceiro maior grupo siderúrgico do mundo, informou ontem que pode cancelar ou suspender dois projetos com valor combinado de US$ 10 bilhões a US$ 12 bilhões para construir usinas integradas de aço no Brasil e no Vietnã, se a demanda continuar fraca. Hajime Bada, presidente-executivo da unidade central JFE Holdings, disse que a companhia está avaliando cuidadosamente a viabilidade dos dois projetos, agora que o crescimento estável na demanda por aço é improvável diante dos temores de recessão.

Agência Estado |

"Se a demanda está encolhendo e considerarmos que os projetos não são viáveis, vamos cancelar ou suspender os planos", disse. "Não devemos tomar a decisão errada sobre o momento para o investimento." JFE, Vale e a siderúrgica sul-coreana Dongkuk avaliam desde abril a possível construção de altos-fornos e uma usina capaz de produzir 5 a 6 milhões de toneladas anuais de placas de aço no Ceará. A JFE também começou recentemente um estudo de viabilidade sobre uma usina integrada de aço no Vietnã.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG