Tamanho do texto

SÃO PAULO - O executivo-chefe do Yahoo, Jerry Yang, deixará o cargo assim que for encontrado um substituto. Ele continuará no Yahoo como integrante do Conselho e chefe da companhia.

O presidente do Yahoo, Roy Bostock, em conjunto com diretores independentes e em consulta com Yang, está dirigindo o processo de avaliar potenciais candidatos, tanto dentro como fora da empresa.

Em nota, o Yahoo lembrou que Yang, co-fundador da companhia, assumiu o posto de executivo-chefe em junho de 2007 e a liderou "em um reposicionamento estratégico e transformação de sua plataforma".

O período de Yang como executivo-chefe foi marcado por parcerias e fusões fracassadas e um recuo nos preços das ações do Yahoo, o que fez com que os investidores do Yahoo perdessem a paciência com o executivo.

Neste mês, o Google desistiu de um acordo de publicidade com o Yahoo. No meio do ano, as discussões com a Microsoft referentes a uma fusão foram encerradas.

(Juliana Cardoso | Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.