Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Japonesa Sony prevê 1º prejuízo anual em 14 anos, de US$ 1,7 bilhão

A fabricante de produtos eletrônicos japonesa Sony prevê prejuízo líquido de 150 bilhões de ienes (US$ 1,7 bilhão) para o atual ano fiscal, que termina em 31 de março, no que seria o primeiro prejuízo do grupo em 14 anos. No início de outubro, o grupo havia previsto lucro líquido de 150 bilhões de ienes para o período, que já era menos da metade dos 369,4 bilhões de ienes registrados no ano fiscal anterior.

Agência Estado |

O grupo também projeta prejuízo operacional de 260 bilhões de ienes para o ano fiscal de 2008, em vez do lucro operacional de 200 bilhões de ienes previsto em outubro. Também essa estimativa era já inferior à metade do lucro operacional registrado pela Sony no ano fiscal de 2007.

A companhia disse que, de acordo com seus resultados preliminares, teve lucro líquido no trimestre terminado em dezembro (seu terceiro trimestre fiscal), mas de apenas 10 bilhões de ienes, em comparação com o montante de 200,2 bilhões de ienes de igual período de 2007. Entretanto, deverá registrar prejuízo operacional de 18 bilhões de ienes no período, ante o lucro operacional de 236,2 bilhões de ienes do trimestre outubro/dezembro de 2007. O balanço trimestral será anunciado dia 29.

O grupo também disse hoje que planeja fechar uma de suas duas fábricas de TV de cristal líquido em Aichi, no Japão. Um porta-voz da Sony disse que a decisão faz parte de um plano previamente anunciado para reduzir em cerca de 10% o total de 57 fábricas de produtos eletrônicos da empresa em todo o mundo. Ele recusou-se a dar mais detalhes, incluindo o número de empregos que serão eliminados. Em dezembro, a Sony anunciou um plano de reestruturação global para reduzir as despesas em 100 bilhões de ienes, a um custo de 16 mil empregos. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG