TÓQUIO (Reuters) - O governo do Japão vai aliviar temporariamente as regras sobre exigências de capital dos bancos para ajudar as instituições a enfrentarem a crise financeira global, afirmou nesta sexta-feira o ministro de Finanças japonês. A mudança das regras estão sendo introduzidas à medida em que os bancos na segunda maior economia do mundo cortaram fortemente suas projeções de lucro por conta da grande exposição das instituições a um mercado acionário local em franca desvalorização.

"Estas são medidas para enfrentar a turbulência nas finanças globais com base no acordo de Basiléia", afirmou Shoichi Nakagawa em entrevista coletiva.

Começando em dezembro até março de 2012, os bancos japoneses que operam no exterior não terão que deduzir perdas não realizadas com títulos municipais ou do governo em seu capital.

Os bancos que operam apenas no mercado doméstico não terão que deduzir perdas não realizadas em investimentos em ativos de seu capital.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.