O Governo japonês informou neste domingo que está disposto a injetar até 10 trilhões de ienes (110 bilhões de dólares) nos bancos do país que passam por dificuldades.

O limite do plano de recapitalização dos bancos havia sido fixado em dois trilhões de ienes, mas este valor seria "insuficiente", segundo o ministro de Política Econômica e Orçamentária, Kaoru Yosano.

"Acho que (o montante) será de 10 trilhões de ienes", indicou, em entrevista a uma rede de televisão.

Yosano, no entanto, se mostrou tranqüilo em relação à saúde do sistema bancário japonês: "não nos encontramos de forma alguma em uma situação na qual os bancos quebrarão um após o outro", declarou.

si/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.