Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Japão e EUA decidem trabalhar juntos contra crise econômica

Tóquio, 7 nov (EFE).- O primeiro-ministro do Japão, Taro Aso, e o presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, decidiram hoje trabalhar conjuntamente para buscar soluções para a crise financeira global e a situação no Afeganistão e na Coréia do Norte.

EFE |

Segundo disse à Agência Efe o Ministério de Assuntos Exteriores japonês, os líderes conversaram por telefone por cerca de 15 minutos, com traduções em inglês e japonês, às 7h locais.

Aso parabenizou Obama por sua vitória nas eleições da última terça-feira e manifestou seu desejo de estabelecer com o presidente eleito uma "relação pessoal baseada na credibilidade e confiança".

O presidente eleito dos EUA disse a Aso que estava "familiarizado com o Japão", e agradeceu o apoio a sua candidatura da cidade litorânea de Obama (oeste do Japão), na província de Fukui.

Os dois líderes decidiram que a "prioridade seria fortalecer a relação de amizade entre seus países", e manifestaram ainda o desejo de trabalhar juntos para buscar soluções para a crise financeira global e a situação econômica geral.

Decidiram também colaborar na luta contra a mudança climática e na gestão da situação atual no Afeganistão e na Coréia do Norte, embora não tenham entrado em detalhes sobre os seqüestros dos japoneses nos anos 70 e 80 por agentes norte-coreanos. EFE icr/mh

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG