O primeiro-ministro japonês, Yasuo Fukuda, qualificou nesta quarta-feira de extremamente lamentável o fracasso das negociações de Genebra para a liberalização do comércio mundial.

"Apesar de mais de uma semana de negociações e esforços por parte dos ministros da Organização Mundial do Comércio, não foi possível chegar a um acordo sobre as modalidades. Isto é "extremamente lamentável", disse Fukuda.

O Japão foi uma das sete grandes economias, ao lado de Brasil, Estados Unidos, Austrália, China, União Européia e Índia, envolvidas nas negociações de Genebra sobre a liberalização do comércio mundial.

As negociações fracassaram nesta terça-feira, por falta de um acordo agrícola entre os ricos e certos países em desenvolvimento.



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.