O Itaú Unibanco anunciou hoje mudanças no alto escalão do banco, com alterações no Comitê Executivo e na diretoria. Silvio de Carvalho se aposentou e deixou a diretoria executiva de Controladoria.

O Itaú Unibanco anunciou hoje mudanças no alto escalão do banco, com alterações no Comitê Executivo e na diretoria. Silvio de Carvalho se aposentou e deixou a diretoria executiva de Controladoria. O executivo estava no Itaú desde 1971 e passou por diversos cargos, até ser nomeado CFO (Chief Financial Officer da Itaú Unibanco Holding). Quem substitui Carvalho é Caio David, engenheiro formado pela Universidade Mackenzie, pós-graduado em Economia e Finanças pela Universidade de São Paulo (USP) e com MBA pela New York University. David atuava no Itaú BBA como diretor executivo desde 2008. Outro executivo que deixa o banco para se aposentar é Antonio Carlos Barbosa de Oliveira, que comandava as áreas de Jurídico, Compliance e Tecnologia. Após 40 anos de casa, ele passou por algumas unidades do banco, como o Itaú BBA. Com a saída de Oliveira, Alexandre de Barros, da área de Tecnologia, passa a integrar o Comitê Executivo do Itaú Unibanco. Engenheiro formado pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), com MBA em Administração de Empresas pela New York University e mestrado pela USP, Alexandre ocupava a posição de diretor executivo no Itaú Unibanco desde 2005. Cláudia Politanski, que também se reportava diretamente a Oliveira, ficará à frente das áreas do Jurídico e Compliance, respondendo diretamente para Roberto Setubal, porém sem assento no Comitê Executivo. Ricardo Villela Marino, responsável pelas unidades externas no Mercosul e membro do Comitê Executivo, passa a integrar o Conselho Consultivo Internacional (International Advisory Board) do Itaú Unibanco Holding S.A.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.