A Irlanda vai criar um novo órgão de supervisão bancária que combinará as funções de Banco Central e de regulador do setor financeiro, anunicou na noite de sábado o primeiro-ministro irlandês, Brian Cowen.

"Faremos uma reforma radical do sistema e dos métodos de supervisão e de regulação do setor financeiro", declarou o chefe de governo irlandês na conferência anual de seu partido, o Fianna Fail.

Cowen, ex-ministro das Finanças, explicou que esta nova instância será criada com base no modelo vigente no Canadá.

O chefe de governo irlandês anunciou sanções contra os banqueiros que não respeitarem as regras e os limites nas remunerações dos responsáveis das entidades que receberam ajuda do Estado.

ab-rjm/lm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.